3 de fev de 2016

por que, ó Senhor?

uma coisa que eu não vou nunca entender o porquê: gente que gosta de dar susto nos outros. tô eu feito uma louca procurando uma pasta que tem documentos importantes, tipo meu RENACH (sim, ainda tô no processo de habilitação. me julguem - entendedores entenderão), há exatas duas semanas, e ontem quase surtei em casa porque precisava de um documento com foto pra retirar minha passagem pro carnaval na rodoviária - porque eu tenho certeza de que a minha carteira de identidade original está lá, e nada da pasta. na-da. o treco sumiu dentro de casa.

eis que, hoje à tarde, quando eu já estava possuída pelo ritmo ragatanga, com diego dentro de mim, com magia e pura alma, já chegando com a dança, minha mãe me chama no whatsapp:

- minha filha, ligaram aqui pra casa. uma senhora lá de itaboraí. disse que está precisando de uma grana pro carnaval e te cobra R$250 pra te devolver a pasta e o documento.
- hum...

respirei fundo porque, ao mesmo tempo que sabia que a tal pasta tinha sido encontrada, uma colega de trabalho precisava de mim pra uma coisa séria... caso de doença mesmo. eu sabia que era zoeira da minha mãe e questionei, mas, ainda assim, resolvi que ia pesquisar e depois ligava pra ela com o veredicto.

- mãe, fui no site do Detran e descobri que é só eu pedir a 2ª via. não vou pagar nada. fala pra essa mulher que com pobre não se mexe!
- mas minha filha! tem certeza? posso mandar ela jogar teu RENACH fora?
- (...) mãe, você fez isso, né? você achou e agora tá tentando me assustar porque sabe que o documento é importante pra mim, que preciso marcar logo essa porcaria dessa prova...isso não se faz! eu sei que isso é bem típico de vocês, só pra me ensinar a lição de que não devo deixar minhas coisas soltas pela casa nem mesmo em um dia de surto, quando eu estava na merda por causa da prova que reprovei pela 30ª vez (beijo, hipérbole!)
- (gargalhadas. dela e da minha irmã que, claro, compactuou com tudo) aí, ela tá dizendo que sabia que a gente... tá colocando teu nome junto, porque sabe que vc compactuou
- eu sabia! isso não se faz. principalmente num dia como o de hoje. uma colega de trabalho acabou de descobrir que a filha tem um problema sério no coração, eu estava consolando e vocês me ligam fazendo isso... na boa...
- minha filha, desculpa, não brinco mais. eu não sabia.

extremo da minha parte? sim, foi.
necessário da parte delas? lógico que não.

sério. vou demorar e não vou entender esse tipo de brincadeira.

**

no mais, tudo como dantes no castelo de abrantes. 
quem resolveu dar sinal de vida foi meu ciclo menstrual. e resolveu dar sinal de vida depois de quase 8 meses de stand by quando eu estou nos preparativos para o carnaval com piscina, cervejas e petiscos à vontade? é pra foder com meu bom humor, né? só pode!

e, tipo, tudo ao mesmo tempo agora.
go figure!

Nenhum comentário: