14 de mar de 2012

Rascunho rápido: Impressões de fim de ano


este post estava nos meus rascunhos datado de 30/12/2011.
e, como AINDA não consegui escrever nada novo sobre 'os dias de hoje', aí vai.
fico feliz de ver que já realizei ou estou realizando mais da metade das coisas que aparecem aí! ;)**

estudos comprovam que quem mais bebe, mais tem história pra contar. desde que eu parei de fazer a maluca e beber com moderação eu emagreci, eu consegui me entregar às séries que eu amo mais que nunca, eu descobri hung e house; e redescobri a marian keyes e meu gosto pela leitura.

aliás, eu poderia bem falar do que fiz ou deixei de fazer, ou do que ganhei ou perdi, ou dos que foram e dos que nasceram. mas, não. 2011 foi um ano de aprendizado, de porradas, de sede de conhecimento, de decepção, de dor (muita dor), de humilhação (infelizmente) mas, de muita alegria, também.
em 2011 eu descobri adele, e redescobri marian keyes, system of a down, sophie kinsella (e, sim, já li o novo livro da becky bloom! \o/) e, finalmente, a terapia foi aceita pela minha pessoa. decidi fazer terapia, e foi a decisão mais acertada da minha vida. com a terapia eu aprendo todos os dias. com a terapia eu olho mais pra dentro de mim que pras outras pessoas.

na terapia eu falo mais de mim do que dos que me cercam. isso, apesar de a minha terapeuta ter um apego gigante à minha familia, sem conhecer nenhum deles. com a terapia eu aprendi a me valorizar mais, e enxergar quem quer o meu bem, e quem quer me foder (menos os homens que querem me foder... pra eles eu continuo completamente cega). pode não ser visível "a olho nu", mas em 2011 eu cresci, mudei. e apareci, também. porque do contrario não tem graça.
em 2012 eu quero agir diferente. em 2012 eu quero ser mais racional, quero ser mais observadora do que já sou, quero trabalhar pra caramba, quero estudar, quero aprender uma nova língua, quero ter mais contato com Deus, independente de religião, quero ter mais fé no ser humano e em mim mesma, quero tomar um banho de loja patrocinado por algum velho babão que me ache ao menos uma coca zero mesmo eu não sendo essa coca-cola toda, quero viajar, quero planejar minha primeira viagem internacional, quero tirar passaporte, quero meu registro de tradutora, quero me formar, quero fazer outra faculdade...

quero mais porres, mais beijo na boca, mais diversão, mais alegria, mais séries, mais filmes, mais teatro, mais trabalho, mais responsabilidades... quero viver mais!

Nenhum comentário: